Criatividade, marketing, branding, comunicação, design, empreendedorismo, inovação, futurismo e outras temáticas do universo da economia criativa.

Startup chinesa rival da Shein pretende ingressar no mercado brasileiro em 2023

A notícia tem gerado apreensão em empresas como a Shein, uma vez que aumentará ainda mais a competitividade no mercado de e-commerce brasileiro. Confira!

0

A Temu, uma empresa inovadora originária da China, planeja iniciar suas operações no mercado brasileiro ainda esse ano, trazendo uma ampla variedade de produtos. Reconhecida como uma rival direta da gigante Shein, a Temu já conquistou grande sucesso com seu marketplace e aplicativo de compras, que são os mais populares nos Estados Unidos.

Rival da Shein da planeja chegar no Brasil em 2023

- Publicidade -

Essa notícia tem gerado apreensão entre outras empresas importantes do setor digital, uma vez que aumentará ainda mais a competitividade no mercado de e-commerce brasileiro. A varejista Temu se destaca por sua expertise no segmento de moda rápida, eletrônicos e outros itens que já são comercializados no Brasil por meio da Shopee e Shein. Com sua chegada, espera-se que os consumidores tenham mais uma alternativa para adquirir tanto produtos nacionais quanto internacionais no país.

Temu
Imagem: Divulgação

 

A Temu, fundada em 2015, é uma startup que atua no setor de varejo, com foco especial em aplicativos de comércio eletrônico e plataformas de vendas. A empresa faz parte do conglomerado empresarial Pinduoduo, sediado na China. Sua abertura de capital na bolsa de valores Nasdaq, nos Estados Unidos, em 2018, arrecadou um montante impressionante de 1,6 bilhão de dólares, demonstrando o potencial e o interesse do mercado no crescimento da empresa.

Embora a Temu não tenha uma linha de vestuário própria, como a Shein, ela oferece uma ampla diversidade de produtos, incluindo itens para o lar, smartphones, dispositivos eletrônicos e produtos de fabricação própria, com preços competitivos abaixo da média do mercado.

- Publicidade -

Talvez você goste de ler também:

O Impacto Da Decisão Do Governo Nas Compras Da Shein No Brasil

Foi Taxada Na Shein? Veja O Que Fazer.

Atualmente, o aplicativo de comércio eletrônico da Temu é o mais baixado pelos usuários de iOS nos Estados Unidos. A empresa está superando a Shein tanto em volume de compras quanto no engajamento dos consumidores. Dados da Bloomberg Second Measure mostram que os gastos com a Temu superam em 20% os da outra empresa chinesa.

Além disso, a Temu se destaca no mercado digital americano por suas estratégias publicitárias, como o anúncio durante um dos maiores eventos esportivos do mundo, o Super Bowl. O lançamento da campanha “Compre como um bilionário” contribuiu para aumentar sua popularidade.

- Publicidade -

A crescente popularidade das empresas chinesas nos EUA está relacionada à preocupação com a inflação e o aumento dos preços de outros produtos no país. Apesar de já ter alcançado considerável notoriedade, a Shein continua em processo de expansão e vendas globalmente.

Com a entrada da Temu no mercado brasileiro, espera-se que ocorra uma redução de preços e uma competição acirrada entre as duas empresas tanto nos Estados Unidos quanto no Brasil. A Temu está planejando sua estratégia de vendas no país e tem previsão de iniciar as operações até o final de 2023. Os consumidores brasileiros podem aguardar por um mercado ainda mais dinâmico e opções diversificadas de produtos disponíveis para compra online.

Então, o que você achou desse conteúdo? Comente, compartilhe esse conteúdo e nos siga no Google Notícias e nossas redes Instagram, Facebook e Spotify

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.